terça-feira, 9 de outubro de 2007

Conto de Fadas


A minha opinião acerca dos "Contos de Fadas" é positiva. Poucos géneros se tornaram tão famosos com apenas um punhado de histórias, que quer seja internacionalmente ou mesmo só dentro do nosso país, são as mais famosas. Pode haver quem não tenha lido "O Código DaVinci". Pode haver quem não tenha lido "The Secret". Mas não há ninguém, ou quase ninguém, que nunca tenha ouvido falar dos 3 Porquinhos, do Capuchinho Vermelho e da bela Adormecida! falo dos porquinhos e no capuchinho porque os considero contos de fadas. E no entanto não têm fadas... então o que são, afinal, um conto de fadas?

Um "Conto de Fadas" é uma história simples, curta e original. normalmente tem escondida uma lição de moral, e não tem obrigatóriamente de ter fadas. A cola UHU é assim chamada pelo nome da marca mais famosa, mas existem tubos de cola "UHU" sem serem da "UHU". Não sei se me fiz entender...

Por outro lado, "Contos de Fadas" são demasiado pouco originais. São... são histórias sempre com o mesmo inicio, sempre com o mesmo fim. Tudo começa bem, tudo acaba bem. Há um problema pelo meio, que incluiu um lobo ou uma bruxa má. São de tal forma clichés que... ainda bem que já deixaram de ser feitos! No entanto, que estes perdurem para a eternidade, a rechear a mente das crianças... e, porque não, dos adultos!
E para vocês... o que é um conto de fadas?! :)

20 comentários:

Victor Nogueira disse...

Olá, Tiago
Podes concorrer ao Convívio das Quadras (mas não te atrses), Ao Conívio de Outono, sujas regras estão no mesmo blog, ou dar qualquer outra contribuição sempre que queiras.
Um abraço
VN
De que lugar é a foto de Outono?

Tiago' disse...

Obrigado pelo comentário, apesar de não se referir aos Contos de Fadas... mas, desculpa, não percebo a que fotografia te referes... à segunda do post do Verão? :X

Um abraço!

Victor Nogueira disse...

Normalmente são histórias de encantar, do tempo dos príncipes, das princesas ou de gente anónima. Alguns descrevem horrores ou maldades, de tal modo que alguns psicólogos entendem que deveriam ser «banidos» Mas a verdade é que «horrores» continuam a existir, embora os meios de comunicação de massificação mostrem uns escondendo outros. Nestes contos actuais muitas vezes os maus aparecem travestidos de bons, para fazer as pessoas pensarem que não há saída para as «horroridades» como o fome, a míséria, a guerra, o desemprego, a doença, etc etc. Nesta perspectiva podemos considerar as fábulas de dois aspectos que poderão ser positivos: há sempre possibilidade de um fim feliz e na sua origem estão os anseios populares porque tais contos, na maioria dos casos foram criados pelo povo e preservados com maior ou menor fidelidade por quem procurou preservá-los, pois que de literatura oral se tratava.O lado mau dos contps de fadas é enraizar-se a ideia de que o nosso destino é decidido não pela união de inteligências, mãos e vontades de mudar o mundo, mas por um acto mágico, sebastiânico ou milagroso, que esses, nada mudam!
Um abraço
VM

tarinocaz disse...

so por si os desenhos animados ja me deixam louca de alegria, os contos de fadas entao...parece que nos levam para outro mundo e nao queremos voltar,e tudo tao perfeito e acaba sempre bem.porque sera que a vida real nao e conto de fadas?

Tiago' disse...

Adorei as vossas opiniões!
Obrigado aos dois! ;)

Victor Nogueira disse...

Olá :-)
Afinal já tinha respondido à tua pergunta, mas não repararas.
No meu 1º comentário há erros dactilográficos e naturalmente onde está «sujas» deve estar «cujas»
Quanto à foto de Outono, é a que aparece no teu «perfil»
Participas no ao sabor de olhar?
um abraço
VM

Aliice. disse...

Um conto de fadas para mim é uma espécie de refúgio.. Como a Catarina disse: "parece que nos levam para outro mundo e nao queremos voltar,e tudo tao perfeito e acaba sempre bem."

Acho que está tudo dito nessa frase. xD

Tiago' disse...

Victor, já me inscrevi no convivio de outono!

E Aliice, obrigado pelo cometário construtivo!

'Nês disse...

Os contos de fadas realmente são algo que acompanha toda uma vida!

É certo que nós, adolescentes, jovens e adultos, os achamos por vezes como tu referiste 'sempre iguais', mas pensemos nas crianças...É fantástico ver como elas se fascinam com tais historias, por muito que já as tenham ouvido...

Os contos de fadas apesar de tudo são histórias fantásticas que perduram ao longo dos tempos =)

Força aí primo!! =) * * *

Tiago' disse...

Nes,
De facto, que mais histórias são tão famosas que passam de geração e geração já desde há muitas gerações? Só os Contos de Fadas!!

obrigado ;)

Gonçalo disse...

Sim realmente poucas vezes têm fadas...e os que têm...não têm muita piada :P

Mas são sempre histórias intemporais :)

Continua aí a escrever ;)

Tiago' disse...

Gonçalo,
Obrigado pela opinião.. sabes.... também não gosto muito das fadas! XD

;)

foryou disse...

Oh Tiago essa de comparar a UHU foi genial para não confundir conto de fadas com contos tradicionais (que nem sempre têm fadas, o que diga-se, é uma grande chatice porque as varinhas mágicas dão muito jeito para passar a sopa).

Tens razão, esses contos encerram sempre a "moral da história" e tinham uma função educativa muito especifica na sociedade da época. Hoje obviamente estão um pouco descontextualizados.

Agora proponho-te um exercício que dá resultados engraçados: experimenta construir uma história com as personagens desses contos.
Depois conta-a aos miúdos e vais ver as garagalhadas que surgem :)

Tiago' disse...

Foryou,
Uma boa proposta! Ainda mais interessante será misturar princesas e bruxas nos tempos de hoje!! XD

Obrigado pelo comentário ;)

Rui Caetano disse...

Os contos de fadas alimentam-nos o imaginário. Gostamos de ouvir, ver e contar aquelas pequenas historiazinhas de sonho e encanto.

Mara Pereira disse...

Uma reflexão interessante esta. Realmente, haverá contos de fada que já atravessaram gerações e continuarão a faze-lo. Para mim há u aspecto que gostaria de acrescentar à tua reflexão: a linguagem nem sempre positiva usada nos mesmos, os conceitos educativos que de alguma forma já não se aplicam as crianças de agora.E a moral da história estara de acordo com as situações da realidade actual?Talvez sim, talvez não? deixo a dúvida no ar.
beijos :)

Sol da meia noite disse...

Olha Tiago, o conto de fadas, é o imaginário que há em nós, desenhado em palavras... com o qual ensinamos os nossos filhos a sonhar!!!

Beijinhos!!!

Diannus do Nemi disse...

.

O que seria do mundo sem os contos de fadas, infantas, que amaciam-nos aos ouvidos?

Abraço!

.

Anónimo disse...

De origem celta, os contos de fadas são uma variação do conto popular ou fábula. Partilham com estes o fato de serem uma narrativa curta, transmitida oralmente, e onde o herói ou heroína tem de enfrentar grandes obstáculos antes de triunfar contra o mal. Caracteristicamente envolvem algum tipo de magia, metamorfose ou encantamento, e apesar do nome, animais falantes são muito mais comuns neles do que as fadas propriamente ditas. Alguns exemplos: "Rapunzel", "Branca de Neve e os Sete Anões" e "A Bela e a Fera".

Anónimo disse...

EU ACHEI MUITO INTERESANTE.PORQUE O UNIVERSO É UM CONTO DE FADAS!